Recentemente estive provando algumas das novidades do portfolio da Importadora Zahil e me encantei com um velho conhecido dos brasileiros, mas que há muito tempo não apareceia por aqui. Os vinhos Le Jaja de Jau, da região de Cote du Roussilon (Sul da França) vinham para o Brasil nos anos 80/90 e depois pararam de ser importados. E agora voltam através da Zahil. Na linha, compost pelo Vermentino, Sauvignon Blanc, Syrah e Cabernet Sauvignon, a proposta é bem clara: Ser vinhos fáceis de beber a custos acessíveis. E eles conseguiram. Provei os 4 vinhos, mas 2 deles me chamaram mais a atenção: O Vermentino e o Syrah.

O Le Jaja de Jau Vermentino 2013 é um vinho complexo e diferente. Vermentino é uma uva muito plantada na região da Sardenha (Itália), mas que nos últimos anos tem sido cada vez mais plantada na França, especialmente em Languedoc-Roussilon. É a uva branca da moda por lá. Este vinho é fácil de beber, com excelente acidez, toques cítricos e de flores brancas. Um vinho que combinado com um prato de frutos do mar, casa maravilhosamente bem.

O Le Jaja de Jau Syrah 2013 me impressionou também pela complexidade, poise eu esperava um syrah alcoólico, cheio de fruta madura. Este vinho tem a pimento do reino característica desta uva, mas tem aromas e sobres que vão além. Uma deliciosa combinação de aromas que lembram cereja, cravo e couro, com boa acidez e bom final, durando bem na boca.

O Cabernet Sauvignon e o Sauvignon Blanc já são mais comuns, mas valem o que custam. Então, os destaques, pra mim, ficam com o Vermentino e com o Syrah. Bola dentro da Zahil!

 

 

 

CHEERS!!

EnoDeco no Instagram: http://instagram.com/enodeco

Siga o EnoDeco no Twitter!

Torne-se um fã do EnoDeco no Facebook!

Beba moderadamente! O excesso de álcool é prejudicial à saúde

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Digite seu nome aqui